Alunos do Pró-Jovem Urbano da Serra são aprovados no Ifes

Eles conquistaram vagas nos cursos de Guia de Turismo, Metalurgia e Segurança do Trabalho

Onze estudantes do Pró-Jovem Urbano da Serra foram aprovados no concurso mais recente do Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes), na modalidade Proeja.
Durante 18 meses, no Pró-Jovem Urbano, eles e os demais estudantes concluíram o ensino fundamental, participaram de palestras e de debates sobre temas ligados à saúde, meio ambiente, mercado de trabalho, planejamento familiar entre outros assuntos.
TEXTO: Marcio Scheppa   FOTO: Divulgação/PMS
Entre os onze aprovados no Ifes, estão estudantes que frequentavam os núcleos do Pró-Jovem Urbano na Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Manoel Carlos de Miranda, do bairro José de Anchieta, e na Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Antonio Vieira de Rezende, do bairro Central Carapina.
 Confira a lista dos aprovados e o curso:
Adriana Maria F. Paneto - Segurança do Trabalho
Adriano Gomes Mota - Metalurgia
Alessandro Stefano Silva - Metalurgia
Diego Pereira Teixeira - Segurança do Trabalho
Elizangela Nunes Coutinho - Segurança do Trabalho
Graciele Vaz Pereira - Guia de Turismo
Igor Mendonça do Nascimento - Metalurgia
Jeferson da Vitória - Guia de Turismo
Jheny Rodrigues Siqueira - Segurança do Trabalho
João Paulo Santana Coelho - Metalurgia
Uardison Costa Duarte - Metalurgia
Com idades entre 18 a 29 anos, os jovens contavam com uma bolsa de incentivo mensal no valor de R$ 100 a partir de recursos do Governo Federal, além de alimentação e vale-transporte. Aqueles estudantes com filhos entre zero a oito anos tiveram ainda o direito de levar as crianças para a escola, onde era ofertado acolhimento e atividades desenvolvidas por cuidadores.
Depoimentos
“Graças a Deus, eu passei com êxito pelo Pró-Jovem Urbano e em 2017 eu vou poder fazer um curso de Segurança do Trabalho, no Ifes. O Pró-Jovem Urbano significou tudo para mim, pois antes eu não tinha meus estudos completos” - Diego Pereira Teixeira.
“Foi ótimo participar do Pró-Jovem Urbano e estou muito feliz em conquistar uma vaga no Ifes, para o curso de metalurgia” - Elizangela Nunes Coutinho
“Depois de ficar sete anos fora da Escola eu decidi participar do Pró-Jovem Urbano. Em um ano e seis meses eu aprendi muita coisa, inclusive a conviver melhor com os demais alunos” - Jeferson da Vitória
“Quando entrei no Pró-Jovem eu ainda não tinha concluído o ensino fundamental. Foi uma ótima oportunidade, que eu recomendo a todos. Vale muito a pena. Agradeço a toda equipe do Pró-Jovem” - Adriana Maria F. Paneto
“O Pró-Jovem Urbano foi uma experiência muito rica. Pude participar das aulas e obtive muito apoio, principalmente porque era possível levar minha filha de sete anos para as aulas. E durante o curso eu engravidei e tive minha segunda filha, que também foi pra aula comigo. E agora fui aprovada no Ifes. Em nome de Jesus, 2017 será uma nova etapa” - Jheny Rodrigues Siqueira
Tecnologia do Blogger.