Câncer tem cura. Previna-se

Fabra uma faculdade que pensa no futuro

Localizada no Bairro Barcelona, na Rua Pouso Alegre, a Faculdade Fabra foi instalada em 2009 com 3 cursos, hoje a instituição tem 17 cursos e ainda tem pretensão para expandir mais. Com um movimento médio diário de 5 mil pessoas a Fabra tem a possibilidade de dobrar essa circulação com a implantação dos novos cursos. “Temos a meta de começar 2018 com 30 cursos, o que irá dar um ganho ainda maior para o Bairro Barcelona, pois nós queremos transformar Barcelona em um bairro universitário. Se hoje a Fabra tem uma circulação de 5 mil pessoas, com esses novos cursos vamos dobrar o número de pessoas circulando” afirma Patrícia Gonçalves Oliveira, Diretora Acadêmica da Fabra.

 Para quem está passando pela crise econômica e pensa em largar os cursos, a Fabra tem a solução para o aluno. Com o Núcleo Atendimento Acadêmico e Financeiro, o aluno tem a possibilidade de conseguir financiamento do curso e pode assim se manter na faculdade. “A educação é transformadora. Nós temos com o NAF, diversas possibilidades para ajudar o aluno que está em dificuldade financeira, através de bolsas de estudos, descontos, convênios para que aquele aluno que não pode pagar uma mensalidade de R$ 500,00, talvez reduzindo para R$ 200,00 possa pagar e assim não temos evasão escolar. É feita uma avaliação acadêmica do aluno e financeira também, além de uma situação social do aluno e o NAF é o setor que cuida dessa parte aqui na Fabra”.

Mas, nem sempre essa evasão é por conta da situação financeira e sim por questão psicológica e a Fabra está preparada com um time de profissionais prontos para dar aconselhamento e ajuda a pessoas que muitas vezes estão com depressão ou algum outro problema familiar. “A Fabra tem o Núcleo de Apoio Psicopedagogico, onde encaminhamos os alunos que muitas vezes possam estar passando por problemas familiares, morte na família, depressão ou aquele aluno que não se identificou com o curso ou está com dificuldades de aprendizagem”.

Muitos são os casos de alunos que muitas vezes, pela rotina de trabalho fora, ser mãe ou pai de família e ainda ter que estudar acabam precisando de uma ajuda a mais para se manter estudando e Fabra com o Núcleo de Apoio Psicopedagogico consegue resgatar esses alunos. “Os casos mais comuns são perda familiar. O aluno não consegue voltar a estudar, inicio de depressão, algumas vezes até a convivência com outros alunos, ou seja, são diversos fatores que são levados para o núcleo. Pois são alunos que tem uma rotina muito pesada, são pais, mães que trabalham fora, então precisam de um apoio emocional”.
Mas, mais que uma instituição de ensino superior a Fabra também investe em seu meio social, com ações voltadas para casas de caridade e também com cursos abertos à comunidade. “Nós fazemos diversas ações e incluímos os alunos, com isso, recolhemos toneladas de alimentos e fazemos doações para instituições de caridade. Também abrimos as portas para a comunidade de Barcelona, que têm desconto em nossos cursos, por meio de um convênio com a Associação de Moradores. Temos também cursos abertos para a comunidade, informática, oficinas entre outros. Nós procuramos compartilhar com a comunidade acadêmica e com a comunidade as datas que são marcantes em nosso calendário. Dias como Dia dos Professores, Dia da Consciência negra e outras datas que usamos para ações com os alunos e comunidade” explica Patrícia.

Pensando no meio ambiente em que foi instalada, a Fabra também cuida de áreas antes mal usadas, como o estacionamento da faculdade que antes era um terreno baldio. A área com mais de 3 mil metros quadrados foi devidamente cercada e com um muro de arrimo dividindo a área verde e o estacionamento. “Foram feitos investimentos de mais de cem mil reais, tanto para acertar a área de estacionamento, muro de arrimo e as plantas e árvores que foram plantadas no local, que é muito grande e que a Fabra mantém em acordo com a Prefeitura” informa Patrícia.

E como o progresso não para, a Fabra com todos esses investimentos mudou a cara do Bairro Barcelona e têm sido fundamental para o desenvolvimento da comunidade e comércio, além de se preocupar com o meio ambiente e responsabilidade social.
Tecnologia do Blogger.