Câncer tem cura. Previna-se

Empresário suspeito de atear fogo na casa de médica é preso por policiais civis em São Mateus

O empresário L.S.O., de 72 anos, suspeito de atear fogo na casa de uma médica, foi preso por policiais da 18ª Delegacia Regional de São Mateus, nesta terça-feira (17), em sua residência, no bairro Inocoop. O crime aconteceu no dia 19 de dezembro de 2015, no mesmo bairro.

De acordo com o titular da Delegacia de Infrações Penais e Outras (Dipo) e responsável pela operação, delegado Thyago Mello, as investigações apontaram que o crime foi planejado. “A motivação do crime se deu porque o empresário queria comprar algumas residências no bairro e a família da vítima estava se recusando a vendê-las. Segundo a vítima, dois dias antes do crime algumas câmeras de vigilância da residência atacada foram danificadas, o que nos leva a crer que o incêndio foi premeditado”, contou.

Thyago informou também que durante as buscas foi encontrado na casa do suspeito um revólver calibre 38 com seis munições. Ele foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de São Mateus.

Tecnologia do Blogger.