Hospital Estadual São Lucas investe na capacitação de jovens aprendizes

Meio tímido, mas atento, o estudante Vinícius Rogério Romano dos Santos, 16 anos, conta que o estágio tem lhe permitido projetar dois sonhos: cursar uma faculdade e retirar sua carteira de habilitação. Motivados pela oportunidade de aprendizado e de qualificação profissional, ele e outros seis jovens, com idade entre 15 e 17 anos, participam do Programa Jovem Aprendiz no Hospital Estadual São Lucas, em Vitória.
“Sempre tive vontade de aprender a dirigir, por isso comecei a economizar. Já tenho praticamente toda a quantia guardada, fruto do que recebo mensalmente, porque quando completar 18 anos eu já quero tirar minha carteira de moto e carro”, revelou Vinícius. Sobre a faculdade, o estudante afirma que ainda não definiu o curso, mas uma das opções é estudar Administração.
Desde setembro do ano passado, os jovens aprendizes atuam no Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU), no Faturamento, no setor de Compras, na área de Hotelaria e no Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (SESMT) do hospital.
Três vezes na semana, das 8 às 12 horas, Vinícius é supervisionado pela coordenadora do Faturamento, Betânia Dias. O jovem é um dos responsáveis por separar e arquivar os prontuários dos pacientes assistidos na unidade. “Ele é um jovem muito dedicado. É notório o interesse dele em aprender novas atividades”, afirma a coordenadora.
Neste início de ano, o setor de Recursos Humanos reuniu os estudantes e realizou a primeira avaliação das atividades que cada um desenvolve. Segundo a coordenadora do setor, Thiara Ferreira, durante a conversa foi aplicado o exercício “Roda da Vida”, cujo objetivo é desenvolver a autoanálise com foco na relação com a família e os amigos, no lazer, na vida financeira, na espiritualidade, na saúde e no trabalho.
“Essa dinâmica foi aplicada com o objetivo de estimular o desenvolvimento dos jovens aprendizes por meio do autoconhecimento e de promover mudanças capazes de influenciar positivamente o futuro deles”, disse a coordenadora de Recursos Humanos.

Sobre o hospital

O Hospital Estadual São Lucas, referência no atendimento de trauma, é administrado pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar desde o dia 18 de dezembro de 2015, por meio de um contrato de gestão firmado com o Governo do Estado do Espírito Santo via Secretaria de Estado da Saúde (SESA), que mantém a unidade.
Tecnologia do Blogger.