Câncer tem cura. Previna-se

Linus Pauling, 22 anos de evolução acadêmica na Serra

No dia 3 de fevereiro de 1995 foi inaugurado o Centro Educacional Linus Pauling. Uma escola que nasceu de um espírito cooperativo e idealista de um grupo de educadores, que ainda no Colégio Aristóbulo formou uma turma de pré-vestibular. “Fizemos o pré-vestibular, foi um sucesso. Reunimos então um grupo de 22 professores e decidimos criar o Linus” relata Afrânio Vanderlei, diretor do Linus Pauling.

Com quase 22 anos de existência a escola realiza diversas ações nas comunidades e tem o objetivo de engajar seus alunos em áreas sociais. “Foram muitas ações nesses anos. Aprovamos 90% dos alunos em vestibular da UFES. Hoje temos o inglês inserido na grade curricular da escola, em uma parceria com o Number One. Todos os anos também fazemos uma gincana infantil, em que recolhemos cerca de 10 toneladas de alimentos, entre outros e levamos a instituições de caridade. Hoje agraciamos cerca de 18 instituições” informa.

De acordo com Afrânio o Linus vai implantar um projeto inovador que é o “Projeto Líder em Mim”, que visa desenvolver nos alunos a partir dos seis anos as sete habilidades das pessoas altamente eficazes. “Vamos desenvolver habilidades como ser proativo, começar com um objetivo em mente, fazer primeiro o mais importante, pense ganha-ganha, procure primeiro compreender para depois ser compreendido, crie sinergia e afine o instrumento. Essas habilidades formam o caráter desde cedo. Em São Paulo já funciona há quatro anos no Colégio Anglo” explica o diretor.

Todas essas habilidades e ações formam o caráter, a exemplo do Colégio Anglo, em São Paulo, que recebeu da ONU o prêmio por ter desenvolvido esse projeto e se tornou Farol para outros colégios, o Centro Educacional Linus Pauling se torna modelo para outras escolas na implantação desse projeto aqui na Serra. De acordo com Afrânio o esporte também é o forte do colégio que forma atletas para o futuro.

Evoluir é a chave para o sucesso em todas as áreas, principalmente na área educacional. “Implantar idéias novas e coerentes para desenvolver em nossos alunos aptidões, tanto intelectuais como sociais, não pensando só em termo de cultura mas também, desenvolver diversas habilidade nas pessoas, torná-las pessoas mais decididas, pensando no coletivo” afirma Afrânio.
Tecnologia do Blogger.