Após sete trimestres consecutivos de queda, PIB capixaba apresenta resultado positivo

Depois de apresentar resultados negativos durante sete trimestres seguidos, o Produto Interno Bruto (PIB) capixaba voltou a mostrar bom desempenho. No quarto trimestre de 2016, o PIB cresceu +1,6% comparado ao trimestre anterior. Contribuem para esse resultado a estabilidade do setor de comércio e desempenho positivo dos setores da Indústria e Serviços. Na comparação do quarto trimestre de 2016 com o terceiro trimestre do mesmo ano, o Brasil teve desempenho pior do que o Espírito Santo e apresentou retração de -0,9% no PIB. “Ainda é cedo para falar em recuperação da economia, mas sem dúvida esse resultado é um bom sinal para o Espírito Santo”, afirmou Andrezza Rosalém, diretora-presidente do Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN). 
No confronto de 2016 com o ano anterior, houve retração de -12,2% na economia do Estado, resultado da queda generalizada nas principais atividades econômicas do Espírito Santo. A Indústria Extrativa teve um expressivo recuo de -31% e a grave crise hídrica impactou negativamente no setor de Agricultura. O PIB nominal totalizou R$ 133,7 bilhões no acumulado dos últimos quatro trimestres.
Resultado do PIB
O Produto Interno Bruto (PIB) do Espírito Santo é calculado anualmente pelo Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN) em parceria com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), com os resultados sendo divulgados com uma defasagem temporal de dois anos. A partir de 2009, visando reduzir essa defasagem, o IJSN passou a calcular o Indicador de PIB Trimestral, que reflete a situação econômica no curto prazo, antecedendo o cálculo do PIB anual.
Tecnologia do Blogger.