Câncer tem cura. Previna-se

Baiano e queniana vencem a meia-maratona da Corrida da Água Fortlev

A prova contou com a participação de 3.000 corredores, que competiram em três percursos, incluindo a meia-maratona, em Serra


Com um circuito inovador, incluindo a meia-maratona (21km), 3.000 atletas de várias partes do Espírito Santo, de outros estados e até do Quênia participaram da Corrida da Água Fortlev, realizada neste domingo, dia 12, em Serra. O destaque da meia-maratona ficou para o baiano Edmilson dos Reis Santana, que representou a equipe do Cruzeiro (MG), e a queniana Caroline Jepkemei Kimosop, respectivamente, os vencedores nas categorias masculina e feminina.

Com o tempo de uma hora e oito minutos, Edmilson participou pela primeira vez da prova. “Não foi fácil, por causa dos vários trechos de subida e de muito calor, mas graças a Deus deu tudo certo. Já estava me preparando para esta corrida e pretendo voltar no próximo ano”, relatou Edmilson.  O campeão da Corrida da Água do ano passado na prova de 16km, o alagoano Damião Ancelmo de Souza, desta vez ficou com o segundo lugar e ressaltou que o calor intenso foi bom para os brasileiros. “Se estivesse frio seria melhor para os quenianos. Procuramos manter a mesma estratégia de manter a velocidade em 19km/h e deu certo. Estou feliz com o resultado e a organização está de parabéns. É uma prova que só tende a crescer”, comentou. O terceiro lugar ficou com o queniano Joshua Kipkemboi Kogo.


Na categoria feminina, a queniana Caroline mostrou disposição mesmo após enfrentar a temperatura de mais de 30°C, em uma hora e vinte e dois minutos. “Gostei muito da prova, que apresenta alguns trechos mais difíceis, mas o maior desafio é realmente o calor. Pretendo incluí-la novamente entre as provas que vou realizar no próximo ano”, afirmou a campeã.


A Corrida da Água Fortlev passou pela mais importante região industrial do Espírito Santo, em cenários belíssimos como o Balneário de Manguinhos e a Lagoa Jacuném, com trechos de subida e descida, criando desafios para os participantes. No caminho de avenidas amplas e sinalizadas havia indicação dos pontos de controle e hidratação, esponjas refrescantes, ambulância e o oásis, local de apoio para os corredores da meia-maratona.

Organização

Para manter a hidratação dos atletas, o Grupo Coroa disponibilizou pontos de hidratação a cada dois quilômetros aproximadamente ao longo dos três percursos da prova com o fornecimento de copos de água mineral Campinho. Já a Athletica Nutrition forneceu sachês de gel carboidrato e isotônicos para os corredores da meia-maratona. A Samp foi uma das responsáveis pelo suporte para atendimentos médicos. Uma área de descanso e de massagem ajudou os atletas a recuperar a energia após a prova, além dos food trucks e das bike foods.

Premiação

A Corrida Fortlev distribuiu troféus e um total de R$ 45 mil em dinheiro, conforme categorias abaixo. Todos os atletas que terminaram a prova também receberam medalha de participação. Os resultados completos das demais categorias estão disponíveis em http://www.chiptiming.com.br/resultados/corridadaaguafortlev2017.
Tecnologia do Blogger.