Câncer tem cura. Previna-se

Contauto dá dicas de transporte animal em carros

Os animais de estimação já fazem parte das famílias brasileiras. E como ‘membros’ da casa, o transporte dos mesmos também seguem regras para a segurança deles e de todos os ocupantes do carro. O Artigo 253 do Código de Trânsito Brasileiro determina que dirigir veículos transportando pessoas, animais ou volume à sua esquerda ou entre os braços e pernas é considerado infração média, com perda de quatro pontos na carteira. 

“A Ford realiza campanhas para orientar corretamente o transporte e, entre as dicas, uma das mais importantes é evitar que o cão coloque a cabeça para fora do carro em movimento”, destaca Apolo Figueiredo Rizk, diretor Comercial da Contauto, revenda da marca na Grande Vitória. 

O banco de trás e o porta-malas são considerados os locais ideais para o transporte dos bichos, que devem ser levados em caixas transportadoras, cadeirinha especial ou até com a coleira peitoral presa no cinto de segurança. 

Já os gatos devem ser transportados apenas em caixas, pois se assustam com facilidade. E, no caso de pássaros e peixes, use gaiolas cobertas com um pano e sacos plásticos transparentes, respectivamente.
Tecnologia do Blogger.