Policiais civis prendem suspeito de matar mãe e filha em Vitória

Um dos suspeitos de assassinar mãe e filha em Vitória foi detido nessa terça-feira (28) pela equipe da Delegacia Especializada de Homicídios Contra a Mulher (DHPM). O mandado de prisão em desfavor de W.C.P.O.J., de 18 anos, foi cumprido na residência da mãe dele localizada no bairro Jardim Camburi, em Vitória.
Erlita Pereira Gonçalves e sua filha Juliana Pereira Gonçalves foram assassinadas no último dia 09 de fevereiro, no bairro Caratoíra, horas após o homicídio de Nelson Eduardo Pereira Gonçalves, filho de Erlita.
“Mãe e filha foram testemunhas da morte de Nelson Eduardo Pereira Gonçalves. Logo após o crime, elas foram ouvidas e, durante o depoimento, Erlita indicou o suspeito e mais três pessoas como responsáveis pela morte de seu filho. Após saber disso, por vingança, o suspeito matou a mulher e a filha dela com disparos de arma de fogo”, afirmou o titular da DHPM, delegado Janderson Lube.
Durante o depoimento, W.C.P.O.J. negou o crime. “Ele alegou que após tomar conhecimento do homicídio de Nelson, o pai dele foi até o bairro e o levou até Jardim América, em Cariacica, onde ali permaneceu durante o dia todo. Porém, o pai do suspeito foi ouvido e desmentiu as informações prestadas por ele. Dessa forma, não restaram dúvidas que o suspeito participou no crime”, informou o delegado.
Janderson Lube informou também que os outros três suspeitos do crime já foram identificados. “Foram realizadas diligências para cumprir os mandados de prisão temporária, mas os suspeitos não foram encontrados”, disse.
W.C.P.O.J. foi encaminhado para o Centro de Triagem de Viana (CTV).
Tecnologia do Blogger.