Prefeitura vai estudar reforço na sinalização em frente ao Hospital Estadual Jayme Santos Neves

Os moradores do bairro Morada de Laranjeiras, que residem no entorno do Hospital Estadual Jayme Santos Neves reclamam, que constantemente tem havido acidentes e atropelamentos no local, inclusive de funcionários do hospital. “Já aconteceram vários acidentes aqui em frente ao hospital. Inclusive com funcionários que saíam para ir para casa e foram atropelados e tiveram que voltar para atendimento”, relatou o Diretor Geral do Hospital Estadual Jayme Santos Neves, Rogério Griffo.

Uma moradora escreveu nas redes sociais, que sempre a noite tem muitos carros passando por ali em alta velocidade e que já até mesmo pensa em se mudar.

Uma funcionária do hospital, também através das redes sociais, confirmou que o local está perigoso e precisa de um semáforo.

Segundo relatos, carros e motos passam em alta velocidade e colocam em risco vida de pedestres e ciclistas que por ali passam. Inclusive no trecho em frente ao hospital não há nenhum semáforo ou radar.
O vereador Cabo Porto em visita ao local, acompanhado do Diretor Geral Rogério Griffo. Foto: Internauta

O vereador Cabo Porto protocolou um ofício ao executivo solicitando a instalação de um semáforo na frente do hospital. “Foi solicitado ao executivo que coloque um semáforo no local, pois assim dará mais segurança aos pedestres e irá reduzir os acidentes no local. Esse semáforo também vai ajudar no fluxo, já que em frente há um retorno e os carros precisam esperar até que os carros que vão sentido ES 010 estejam parados, para poder seguir viagem”, explica.


O ofício foi encaminhado para o executivo e aguarda resolução. Segundo a Prefeitura da Serra, por meio de nota informou que, a via é sinalizada, com faixa de pedestre e placas indicativas de velocidade. Diante da queixa, no entanto, a Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur) vai estudar reforço nesta sinalização. A Secretaria de Defesa Social está fazendo operações constantemente no local para coibir excesso de velocidade e outras infrações de trânsito.
Tecnologia do Blogger.