Agricultores de Santa Leopoldina se organizam para iniciar processo de exportação de gengibre

Produtores de gengibre da região de Rio das Farinhas se reuniram na noite da última quarta-feira (7), com representantes do Sebrae, Incaper, Agrocoop e da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente, com o objetivo de iniciar o processo de certificação denominada GLOBALGAP das propriedades produtoras. 

A certificação GLOBALGAP é um processo indispensável para a exportação dos produtos, uma vez que trabalha com boas práticas agrícolas, sendo esta uma tendência mundial no agronegócio. 

Segundo o secretário municipal de Agricultura, Rodrigo Max Berger, após a certificação, há possibilidade de promover de forma mais incisiva a agricultura orgânica nestas propriedades, visto que a certificação internacional e a certificação orgânica seguem uma linha paralela de regras, que por vez se completam. 

Devido ao grande potencial produtivo na região, os produtores ainda discutiram a possibilidade de se organizarem em cooperativa, o que fortaleceria a cadeia produtiva e o processo de comercialização. Segundo o técnico do escritório do Incaper de Santa Leopoldina, João Paulo Ramos, nosso município é o maior produtor de gengibre do Brasil. 
Tecnologia do Blogger.