Hemoes celebra o Dia Mundial do Doador de Sangue

O Dia Mundial do Doador de Sangue é comemorado nesta quarta-feira (14) e, para celebrar a data, o Hemocentro do Espírito Santo (Hemoes) ofereceu um café da manhã especial para os voluntários que foram ao local. O secretário de Estado da Saúde, Ricardo de Oliveira, também esteve presente.
A data foi estabelecida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para homenagear quem separa um tempo durante sua rotina para doar sangue, ajudando assim pacientes que precisam de transfusão.
O Hemoes é o responsável por fornecer sangue para os hospitais de todo Estado e depende de doações para abastecer o estoque, que está abaixo do ideal.
Segundo o secretário, doar sangue é fundamental para salvar vidas. “Sua doação pode salvar até três vidas. Aproveite o dia de hoje para começar a ser um doador”, disse Oliveira.
De acordo com a direção do Hemoes, os bancos de sangue precisam principalmente do tipo O negativo, que pode ser transfundido em pessoas com qualquer outro tipo sanguíneo, e O positivo, que pode ser transfundido em pessoas que tenham fator RH positivo, ou seja, A positivo, AB positivo, B positivo e O positivo.
É muito importante que a população se sensibilize e passe a ter como hábito a doação de sangue, pois este é um item que não pode ser comprado e é indispensável para o funcionamento dos serviços de saúde.
Segundo a diretora-técnica do Hemoes, Alessandra Prezotti, doar sangue deve ser um ato constante. Ela destacou que todas as pessoas que puderem doar devem fazê-lo.
“O trabalho dos voluntários é fundamental para ajudar na conscientização da importância da doação de sangue”, afirmou.
No Brasil, apenas 1,8% da população é doadora de sangue, mas a recomendação da OMS é que entre 3% e 5% da população de um país seja doadora de sangue.

Quem pode doar
Para doar sangue é preciso ter entre 16 e 69 anos de idade, sendo que a primeira doação deve ser feita obrigatoriamente até os 60 anos. Menores de 18 anos só podem doar com a autorização de um responsável legal. Vale lembrar que os doadores frequentes não podem deixar de obedecer ao intervalo mínimo entre uma doação e outra, que deve ser de dois meses para homens e de três meses para mulheres.
O interessado em doar sangue deve ir até uma unidade do Hemoes, apresentar um documento oficial com foto e responder a um questionário. Em seguida, passará por uma triagem para avaliar sua condição de saúde e verificar se está apto para doar sangue. Caso o voluntário tenha almoçado, é necessário aguardar três horas após a refeição para fazer a doação.
Onde doar sangue:
- Hemocentro do Estado do Espírito Santo (Hemoes)
Tel. 3636-7900/7920/7921- Avenida Marechal Campos, 1.468, Maruípe, Vitória. De segunda a sexta-feira, o cadastro é das 7h às 18h. No sábado, o cadastro vai das 7h às 17h.
- Unidade de Coleta à Distância da Serra
Tel. 3218-9429/ 3218-9242. Avenida Eudes Scherrer Souza, s/n (anexo ao Hospital Estadual Dório Silva). De segunda-feira a sexta-feira, p cadastro vai das 7h às 15h.
- Hemocentro de Linhares
Tel. (27) 3264-6000/ 3264-6019 - Avenida João Felipe Calmon, 1.305, Centro (ao lado do Hospital Rio Doce). Funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 12h30.
- Hemocentro Regional de Colatina
Tel. (27) 3717-2801 - Rua Cassiano Castelo, s/n, Centro. Funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 12h30.
- Hemocentro Regional de São Mateus
Tel. (27) 3767-7957 - Rodovia Otovarino Duarte Santos, Km 02, Parque Washington. Funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 12h30.
Tecnologia do Blogger.