Câncer tem cura. Previna-se

Cirurgia plástica para rejuvenescimento


O rosto, o pescoço, o colo e as mãos são as partes do corpo que mais ficam expostas e, por isso, também são as primeiras a demonstrarem os efeitos do tempo. Os sinais de envelhecimento nessas regiões incomodam principalmente as mulheres, mas para alívios delas, o que não falta são alternativas para o rejuvenescimento da pele.

Além de tratamentos menos invasivos, como aplicação de toxina botulínica, preenchimentos e a realização de peelings químicos, algumas opções de cirurgias plásticas podem garantir uma aparência mais jovem e suave.

O cirurgião plástico Humberto Pinto explica que são diversos os procedimentos que podem ser feitos para melhorar algum aspecto que está incomodando o paciente. Um deles é o lifting de testa que minimiza as linhas de expressão e os vincos ao redor da testa, além de elevar as sobrancelhas que estão baixas ou flácidas.

“Agora, se o paciente estiver muito incomodado com o envelhecimento do seu rosto, um lifting facial pode ser a melhor opção. Ele melhora a flacidez, a perda do tônus muscular e os vincos profundos abaixo das pálpebras e que se estendem pelo canto da boca”, detalha o especialista. O lifting facial também consegue remover a flacidez e o excesso de gordura na região abaixo do queixo, o que acaba gerando a papada.

No caso das mãos, que costumam perder volume com o passar do tempo, uma das opções para minimizar o envelhecimento é a lipoenxertia, ou seja, um enxerto de gordura na região. Esta opção geralmente é feita quando os preenchimentos temporários não conseguem resolver o problema. “Para esse procedimento, o cirurgião plástico retira uma seringa de gordura de uma parte do corpo do paciente e o conteúdo é centrifugado para deixar apenas as células gordurosas. Depois, ele é aplicado no dorso da mão”, conta Humberto Pinto.
Tecnologia do Blogger.