Câncer tem cura. Previna-se

Projeto Jayme Itinerante leva conscientização sobre doação de órgãos para estudantes


O Hospital Estadual Dr. Jayme Santos Neves, na Serra, encerrou a programação do Setembro Verde nesta sexta sexta-feira (29) levando o tema doação de órgãos para a Escola CEDTEC por meio do Projeto Jayme Itinerante.
“Entendemos a importância da doação de órgãos, por isso, todos os anos fazemos questão de organizar ações de conscientização envolvendo todas as áreas do hospital e os pacientes. Para esse ano, quisemos envolver também a comunidade, levar conhecimento e discutir o real significado da doação”, destacou o diretor-geral do Hospital Dr. Jayme, Rogerio Griffo.
A Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes (CIHDOTT), junto da equipe Multidisciplinar, preparou um material completo sobre o assunto. Como diagnosticar o paciente apto para doação, o processo de entrevista com a família, a doação em si e o acompanhamento que a família doadora deve receber ao final foram temas discutidos.
“Estamos conversando com futuros colegas de trabalho. Vocês precisam entender que nós somos responsáveis pelas vidas de pessoas que estão na fila de espera por uma doação. O conhecimento técnico aliado a nossa postura e a forma de nos comunicar são diferenciais para qualquer família”, explicou a enfermeira referência da CIHDOTT do Hospital Dr. Jayme, Daniela Souza.
No encontro, cerca de 80 alunos dos cursos técnicos de enfermagem e radiologia participaram ativamente com perguntas e discussão de casos. “As nossas profissões exigem, antes de tudo, acolhimento. Lidamos com pessoas estranhas todos os dias, com culturas diferentes e inúmeras manias. Não estamos aqui para julgar e, sim, para acolher. O acolhimento é o grande diferencial na hora da entrevista familiar para doação”, disse a psicóloga do Hospital Dr. Jayme, Simone Eutropio.

Projeto Jayme Itinerante
O Projeto Jayme Itinerante nasceu em junho de 2014 com o objetivo de informar, tirar dúvidas e conscientizar meninos e meninas de escolas públicas do município sobre temas importantes, como acidentes que podem gerar queimaduras graves, doação de órgãos e gravidez na adolescência. Ao longo dos anos, o projeto evolui e já participou de encontro em escolas da rede privada e de empresas.
Para mais informações sobre o Projeto Jayme Itinerante, basta entrar em contato com a coordenadora do setor de Projetos Sociais, Marta Almeida, no e-mail marta.almeida@hejsn.aebes.org.br ou no telefone (27) 3331-7713.
Tecnologia do Blogger.