Chef Juarez Campos recebe maior honraria concedida pelo Governo



O governador Paulo Hartung entregou, na noite desta segunda-feira (27), a Comenda Jerônimo Monteiro ao chef Juarez Campos. A solenidade foi realizada no Salão São Thiago do Palácio Anchieta, em Vitória. A Comenda Jerônimo Monteiro é a mais alta honraria concedida a um cidadão capixaba. O evento de homenagem ao chef capixaba contou com a presença de personalidades importantes da classe artística, social, gastronômica, política e cultural do Estado. Juares Campos recebeu pelas mãos do Governador do Estado, Paulo Hartung.
O governador Paulo Hartung ressaltou que o professor e chef Juarez Campos é uma pessoa muito querida e identificada com os valores do Espírito Santo. “Estamos em um gesto importante. Essa comenda é para homenagear capixabas que abraçaram o Estado, amam essa terra e contribuem para o desenvolvimento. Juarez é uma figura que desde o início de sua trajetória trabalha para mostrar as coisas boas do Estado. Juarez projetou e projeta uma geração de chefs. É a quebra de paradigmas com muita generosidade. Essa homenagem é dos capixabas que tem orgulho do seu trabalho”, destacou Paulo Hartung.
“Fico muito feliz e grato por ser homenageado. Represento uma classe que tem trabalhado para levar a gastronomia capixaba e brasileira para o mundo inteiro. Tive oportunidade de dar aula na Itália, trabalhar durante temporadas de verão em cruzeiros, mas sempre fazendo comida capixaba. Uma comenda desta demonstra que o trabalho foi bem feito. Ninguém trabalha para ser premiado, mas quando acontece é muito bom”, destacou o chef é capixaba de Alegre, Juarez Campos.
Chef Juarez Campos

Juarez Campos começou a trilhar seus primeiros passos profissionais como bioquímico e tinha como hobbie a preparação de pratos especiais para a família. A curiosidade para avançar em receitas mais exclusivas, levou Juarez Campos ao patamar de um dos mais importantes chefs de cozinha do Brasil e do Espírito Santo. Estudou, se profissionalizou e, hoje, coleciona mais de duas décadas de experiência na área.

Formado pelo Italian Culinary Institute for Foreigners (ICIF), Juarez também reúne em seu currículo wokshops na conceituada escola Le Cordon Bleu (Paris), e no Culinary Institute of América (CIA), em Nova York, além de formação no Curso Master de cozinha italiana, no Instituto de Culinária Italiana para Estrangeiros, em Costigliole D’Asti (Itália). Hoje, além de multigourmet, é professor dos cursos de gastronomia da Faculdade Novo Milênio e da Universidade de Vila Velha (ES), colunista da Revista AG (Jornal A Gazeta), e comentarista gastronômico da Rádio CBN Vitória.

Criações de sucesso

Criar pratos únicos e preparar releituras fantásticas de composições internacionais, em especial, da cozinha ítalo-brasileira, faz parte da essência do chef. As combinações criadas em seu laboratório de sabores resultam em pratos exclusivos e diferenciados, como é o caso do risoto de moqueca capixaba, uma invenção que reúne dezenas de apreciadores.

Tecnologia do Blogger.