Colatinense participa dos XXIII Jogos Sul-Americanos Escolares, na Bolívia

A atleta participa dos XXIII Jogos Sul-Americanos Escolares, que acontecerão de 02 a 10 de dezembro, em Cochabamba, na Bolívia


Natural de Colatina, interior do Espírito Santo, Milena Pizzin nada desde os três anos de idade. Sua primeira competição, com quatro anos, abriu caminhos para que hoje, aos 14, ela represente o Espírito Santo e disputa seu primeiro campeonato internacional, os XXIII Jogos Sul-Americanos Escolares. O evento, que acontecerá de 02 a 10 de dezembro, em Cochabamba, na Bolívia, reunirá 11 países e mais de mil atletas entre 12 e 14 anos.

Classificada com 28,80 segundos na prova de 50m borboleta nos Jogos Escolares da Juventude, em Curitiba (PR), Milena só soube que iria para o Sul-Americano após três semanas que voltou ao Estado. “Eu achei que os Jogos Escolares seriam a minha última competição do ano, então estava treinando apenas para manter o ritmo. Quando soube da minha classificação, fiquei muito feliz e animada. No mesmo dia voltei a treinar com foco no título internacional”, contou Milena, que está com a expectativa de um bom resultado. “Os 50m borboleta é a prova que eu disputo desde pequena, mas de uns anos para cá vem dando resultados. Estou muito ansiosa para subir ao pódio, conhecer um novo país e novas pessoas”, destaca a atleta.

Convocados após o encerramento dos Jogos Escolares da Juventude, competição organizada pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), os atletas de 15 diferentes estados do Brasil disputarão modalidades individuais e coletivas. São elas: atletismo, atletismo PCD, natação, xadrez, tênis de mesa, handebol, voleibol, basquetebol e futebol.

Milena será a única capixaba na competição, deixando o Ronaldo Mangueira, presidente em exercício da Federação de Desporto Escolar do Espírito Santo (Fecade), orgulhoso dessa conquista, mas atento para o baixo resultado do esporte escolar no Espírito Santo. “Há a necessidade de um maior incentivo das escolas ao esporte coletivo e individual. O esporte escolar é um grande auxílio para o desenvolvimento dentro da sala de aula, e é de interesse também das escolas terem mais representantes nas grandes competições”, ressalta Ronaldo. 

Os Jogos Sul-americanos Escolares

Realizado anualmente, os Jogos Sul-americanos Escolares têm Conselho Sul-americano do Desporto Escolar – Consude com parceria pelo Ministério do Esporte, como realizador do evento.A competição é a maior em nível sul-americano e contribui para o desenvolvimento esportivo, cultural e o intercambio entre os países participantes.

Confederação Brasileira do Desporto Escolar

A CBDE é responsável pelo fomento do esporte escolar em caráter nacional, sendo representado por federações nos estados brasileiros. Organizadora de eventos que englobam atletas de todo o país, a confederação também é responsável pela delegação brasileira em competições internacionais.

 Serviço

XXIII Jogos Sul-Americanos Escolares

Data: 02 a 10 de dezembro

Local: Cochabamba, Bolívia

Modalidades: atletismo, atletismo PCD, natação, xadrez, tênis de mesa, handebol, voleibol, basquetebol e futebol
Tecnologia do Blogger.