Presidente da Ales, Erick Musso anula honrarias ao ex-presidente Lula


O presidente da Assembleia Legislativa, Erick Musso (PMDB), determinou há pouco o arquivamento do projeto que concedia ao ex-presidente Lula o título de Cidadão Espírito-Santense, proposto pelo deputado Nunes (PT). O presidenciável petista já havia recebido essa honraria em 2009, na sala vip do Aeroporto de Vitória, por iniciativa do então deputado Cláudio Vereza (PT).
Erick fez mais: anulou o ato da mesa diretora que também concedia a Lula a Ordem do Mérito Domingos Martins no Grau de Grã-Cruz, a maior condecoração do Legislativo capixaba. O presidente da Ales, alegando “acirramento da disputa eleitoral para o cargo de presidente da República”, também proibiu, por ora, a concessão de outras honrarias da Assembleia aos presidenciáveis.

Deputados comemoram

Indignado com a concessão de um título de Cidadão Espírito-Santense e da Comenda Domingos Martins ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o deputado estadual Josias Da Vitória (PDT), único parlamentar que se manifestou contrário durante leitura do expediente na sessão desta segunda-feira (20), comemorou a retirada da homenagem.

“Não podíamos aceitar que a Assembleia Legislativa do Espírito Santo concedesse a maior honraria deste Estado a um ex-presidente que liderou todo o processo de corrupção neste País. Recebemos mais de 40 e-mails, várias ligações para nosso gabinete e manifestações em nossas redes sociais, pedindo que fosse votado contra a entrega da honraria. A Mesa Diretora da Assembleia teve um ato digno e revogou a entrega da Comenda pelo fato do Lula ser um pré-candidato à Presidência da República”, comemorou.

Mesmo sendo indicado para receber o título de Cidadão Espírito-Santense, Lula não poderá receber por já ter sido agraciado com a honraria em 2009.

Com informações de Leonel Ximenes.
Tecnologia do Blogger.