Após chuvas, rio sobe sete metros em Ibitirama


De acordo com a Defesa Civil, o campo de futebol do município está debaixo d'água, assim como algumas ruas próximas

Casas da região central de Ibitirama, na região do Caparaó ficaram alagadas após o nível do Rio Norte subir 7 metros na manhã desta segunda-feira (04).
De acordo com a Defesa Civil, o campo de futebol do município está debaixo d'água, assim como algumas ruas próximas. Vários quintais também estão alagados. As áreas de risco são monitoradas e o órgão reforça o alerta de atenção porque ainda há previsão de mais chuva.
Tânia Marques, que mora na Rua Frederico Ogione, Centro da cidade, contou que o nível do Rio começou a subir por volta das 7h e a entrar na casa dela por volta das 9h. “A minha casa e de um vizinho ficaram alagadas, pois são as mais baixas da rua. Suspendi alguns móveis e outros coloquei na casa de meu pai. Já tinha entrado água aqui uma vez, mas agora foi pior”, contou.

Já em Muniz Freire quatro famílias estão desabrigadas e outras quatro desalojadas desde a última sexta-feira (01), quando parte da região Central ficou alagada. A Defesa Civil explicou que no último sábado parte da pista que liga o município a Muniz Freire cedeu. Devido às chuvas da madrugada desta segunda-feira, mais duas casas ficaram alagadas. O órgão permanece em alerta devido aos riscos de deslizamento.

Tecnologia do Blogger.