Header Ads


LEIA APÓS O ANÚNCIO
A Unimed Sul Capixaba completou 28 anos de atuação na saúde complementar, nesta quarta-feira, dia 27 de dezembro, tendo muitas conquistas, inovações e investimentos em prol da qualidade na assistência aos clientes, a comemorar. A operadora, que tem sede em Cachoeiro de Itapemirim, iniciou suas atividades em 1989, com 32 médicos cooperados. Hoje, conta com 437 médicos cooperados e 734 colaboradores, atendendo mais de 81 mil pessoas, em 30 municípios de sua abrangência, no Sul do Estado.

O presidente da Unimed Sul Capixaba, doutor Pedro Scarpi Melhorim, destaca que, ao longo dos 28 anos da cooperativa, foram fundamentais para a evolução e consolidação da operadora de saúde, manter em dia todas as obrigações previstas pela ANS e legislações, investir e zelar pela qualidade na assistência à saúde dos clientes e capacitar funcionários, além do empenho dos médicos cooperados. “Ano a ano, seguindo o Planejamento Estratégico, agregamos valor ao negócio e contribuímos para a sua perenidade, mantendo firmes os valores da cooperativa e garantindo a nossa qualidade, segurança e satisfação com os clientes”, afirmou.

Uma das mais recentes e expressivas conquistas aconteceu no último dia 18 de dezembro, quando o Hospital da Unimed Sul Capixaba foi o primeiro do Espírito Santo a obter a certificação internacional da HIMSS (Healthcare Information and Management Systems Society), nível 6. O certificado atesta o uso de Tecnologia da Informação (TI) como suporte à saúde, refletindo na qualidade assistencial, na segurança do paciente e na eficiência do processo assistencial.

A cooperativa médica foi a primeira colocada do Espírito Santo no Programa de Qualificação das Operadoras 2017 (Ano-base 2016), da ANS, que avalia a qualidade das operadoras de planos privados de saúde, por meio do Índice de Desempenho da Saúde Suplementar (IDSS). A Unimed Sul Capixaba obteve 0,9115 pontos no IDSS - índice acima da média nacional, que foi de 0,80. Considerando o ranking das melhores qualificadas no Brasil, a cooperativa capixaba obteve a 19ª colocação.

No Programa de Monitoramento da Garantia do Atendimento, referente ao terceiro trimestre de 2017, divulgado pela ANS no dia 30 de novembro, a operadora ficou na faixa zero do programa, que significa que não teve reclamações consideradas procedentes. “Primeiramente, a Unimed Sul cumpre as legislações e normas do mercado de saúde suplementar. Mas também contribuem para o nosso resultado os treinamentos e as atualizações constantes dos profissionais sobre as legislações”, ressalta o doutor Pedro Scarpi Melhorim.


Além disso, em 2017, a Unimed Sul Capixaba somou nove anos consecutivos no ranking das 150 melhores empresas para se trabalhar. A operadora de plano de saúde ficou em primeiro lugar na categoria Cooperativa e o Hospital Unimed Sul garantiu a 6ª posição na categoria Cooperativa de Saúde. A premiação é realizada pela Revista Você S/A em parceria com a Fundação Instituto de Administração (FIA).

Em março, a Unimed Sul Capixaba teve os projetos Modelo Conceitual de Levantamento de Necessidades de Treinamento (LNT) e o Programa de Excelência em Vendas e Relacionamento selecionados para integrar o Compêndio de Boas Práticas de Gestão eGovernança do Sistema OCB Nacional. As iniciativas colocam a operadora na lista de cooperativas com os melhores procedimentos de gestão do Brasil.

Na área de assistência, assim como já vem sendo feito por instituições hospitalares de referência no Brasil e em outros países, o Hospital Unimed Sul iniciou a implantação do Protocolo de Acidente Vascular Cerebral (AVC). A doença, muito comum, afeta uma em cada seis pessoas, sendo uma das principais causas de morte e incapacidade no Brasil.

 O protocolo criado sistematiza um conjunto de iniciativas a serem seguidas por médicos, enfermeiros e outros profissionais de saúde que atuam em diversas áreas do hospital visando agilizar o diagnóstico e o atendimento ao paciente, primordiais para que sequelas sejam evitadas. O documento estabelece um fluxo no atendimento quando o paciente apresenta características elegíveis ao protocolo, como sintomas súbitos de perda de força em metade do corpo, alteração de fala, sorriso torto e outros.

A Oncologia Unimed, novo recurso próprio da cooperativa, entrou em funcionamento em 2017, no terceiro andar do edifício-sede da Unimed Sul Capixaba. Uma equipe capacitada e multidisciplinar cuida do tratamento dos pacientes, com qualidade, segurança e de forma humanizada, de acordo com as especificidades de cada um.

Atenta ao crescimento populacional e ao aumento natural por leitos na região Sul do Espírito Santo, a Unimed Sul Capixaba está investindo na construção de um novo hospital em Cachoeiro de Itapemirim. Em 2017, foi desenvolvido o projeto executivo do empreendimento, que ficará localizada no bairro União e será capaz de atender a procedimentos de média e alta complexidade.

O valor do investimento será de R$ 65 milhões, e a construção do empreendimento se dará em três fases, contemplando 122 leitos na primeira fase, 208 leitos na segunda e até 399 leitos na terceira etapa. A nova unidade terá, ainda, dez salas cirúrgicas, serviços de Oncologia, Hemodinâmica, Unidade Coronariana, Hospital Dia e Materno Infantil.

O apoio a projetos de responsabilidade socioambiental, em especial com o Vi Ver Unimed, que oferece a escolas públicas de Cachoeiro de Itapemirim e região a possibilidade de detectar e solucionar problemas visuais de seus alunos, foi uma das ações de destaque no ano. Desenvolvido através do Núcleo Feminino Cooperativista da Unimed Sul Capixaba, em 2017 foram doados 67 óculos de grau para estudantes de três instituições de ensino: Florisbelo Neves e Gércia Ferreira Guimarães, em Cachoeiro, e José Marcelino, de Marataízes. A compra de óculos foi viabilizada a partir dos valores arrecadados no Brechó Solidário, também organizado pelo Núcleo Feminino. 
Tecnologia do Blogger.