Header Ads


LEIA APÓS O ANÚNCIO
Os 55 Guarda-vidas contratados pela Prefeitura de Aracruz, já estão atuando no litoral do município. Mas, as praias podem não ficar tão seguras nos próximos dias e também no Carnaval, época em que o litoral se encontra ainda mais cheio de turistas e moradores. O motivo é que os mesmos reclamam que o material para trabalho não é suficiente e que algumas peças teriam sido usadas por outras pessoas e que não haviam sido higienizadas adequadamente. Outra reclamação é a falta de protetor solar suficiente para o uso de cada um deles.
Os guarda-vidas atuam realizando os trabalhos de
vigilância e salvamento na orla marítima, das 08 às 19h; Foto: Secom
"Recebemos uma camisa usada, um short usado e um apito usado, o que poderia causar alguma doença bucal. Novo recebemos apenas um boné e uma sunga e não recebemos protetor solar suficiente", informa um dos profissionais contratados, que não se identificou por medo de represálias.
Os guarda-vidas informaram que caso não sejam feitas as devidas mudanças pretendem parar as atividades nos próximos dias e até mesmo no Carnaval.

Verão 2018

São ao todo 15 pontos fixos e mais outros 15 pontos aos finais de semana. As praias que recebem o serviço são: Barra do Riacho, Barra do Sahy, Putiri, Praia do Sauê, Mar Azul, Praia dos Padres, Praia das Castanheiras e Santa Cruz.
Os guarda-vidas atuam realizando os trabalhos de vigilância e salvamento na orla marítima, das 08 às 19h, e possuem treinamento e equipamentos adequados para o resgate dos banhistas.
Tecnologia do Blogger.