Leia após a publicidade

O Carnaval passou, mas, para a alegria de milhões de trabalhadores, 2018 ainda terá muitos feriados nacionais ao longo do ano. Sem falar nos pontos facultativos, feriados estaduais e municipais e, claro, a tão esperada Copa do Mundo.

Com essas datas, muitos sonham viajar ou se programam para curtir os momentos de lazer e descanso com amigos e familiares. Para aproveitar essas datas sem comprometer as finanças, a dica é seguir duas recomendações básicas:  planejamento e controle dos gastos.

Para quem quer viajar, a orientação do presidente do Conselho Regional de Economia do Espírito Santo (Corecon-ES), Ricardo Paixão, é que, antes de aproveitar o feriado, se faça um diagnóstico de suas finanças. “Ponha no papel quais gastos pode ter antes, durante e depois da viagem. Isso ajuda a não ser pego de surpresa, comprometendo o orçamento dos meses seguintes”, explicou.

Outra dica do economista é listar os locais que pretende visitar e os passeios a fazer, além de pesquisar os melhores preços, pacotes e condições de pagamento. E sempre ir ajustando conforme o que as finanças permitem no momento.

“Procure sempre negociar pedindo um desconto e pagar os valores à vista, para que a volta da viagem seja repleta de boas lembranças e não de faturas para pagar. Se for preciso parcelar o valor, opte pela menor quantidade de parcelas possíveis, desde que a quantia caiba no orçamento dos próximos meses”, ressaltou Ricardo Paixão, que é Mestre em Economia.

Quem não vai viajar, mas pretende fazer reuniões em casa ou com amigos, seja nos feriados ou durante os jogos da Copa do Mundo, também vale a pena seguir algumas orientações para se divertir e economizar.

“Procure fazer compras de bebidas e alimentos em estabelecimentos que forneçam descontos ou condições vantajosas de pagamento. E reúna um grupo de familiares e amigos para dividir os custos com bebidas e alimentação”, orientou o economista Ricardo Paixão.


Fique atento a algumas dicas:

- Antes de planejar uma viagem, faça um diagnóstico das finanças e ponha no papel quais gastos pode ter antes, durante e depois do passeio;

- Liste os locais que pretende visitar e os passeios a fazer e pesquise os melhores preços, pacotes e condições de pagamento. Vá ajustando conforme o que suas finanças permitem no momento;

- Procure sempre negociar pedindo um desconto para pagar os valores à vista. Se for preciso parcelar, opte pela menor quantidade de parcelas possíveis, desde que a quantia caiba no orçamento dos próximos meses;

- Conheça as possibilidades de diversão em sua cidade que sejam baratas ou até mesmo gratuitas. Visitar pontos turísticos, parques e museus, além de descansar em casa são excelentes alternativas para aproveitar o feriado prolongado sem comprometer as finanças;

- Tenha uma reserva financeira, pois é normal que acabe ocorrendo gastos além do que estavam planejados. Ninguém está livre de imprevistos, sejam eles positivos ou negativos.

- Quem não vai viajar, mas pretende fazer reuniões em casa, seja para os jogos da Copa ou para se divertir no feriado, vale a pena fazer compras de bebidas e alimentos em estabelecimentos que forneçam descontos ou condições vantajosas de pagamento;
- Reúna um grupo de familiares e amigos e dívida os custos com bebidas e alimentação.
- Faça um revezamento com os amigos e familiares para que as reuniões aconteçam na casa de cada um sem sobrecarregar apenas uma família.


Fonte: Conselho Regional de Economia do Espírito Santo (Corecon-ES)

Nenhum comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Tecnologia do Blogger.