Leia após a publicidade

Cuidados básicos ajudam no combate ao Aedes no carnaval

O carnaval começa em poucas horas e muitos foliões estão aproveitando a folga prolongada para viajar. Quem vai deixar a casa vazia e cair na estrada precisa ter alguns cuidados para impedir a proliferação do Aedes aegypti e prevenir as doenças transmitidas por ele, como a dengue, febre chikungunya e o zika vírus.

As principais dicas dos órgãos de saúde são colaborar no controle do mosquito, evitando deixar água parada. Antes de deixar o imóvel, o morador deve verificar se não está abandonando recipientes que possam acumular água e servir como criadouro para as larvas do mosquito. É recomendado prestar atenção em espaços que nem sempre são lembrados, como bromélias, ocos de árvores, ralos e coletores de água da geladeira/ar condicionado.

“São poucos minutos que fazem toda a diferença no combate ao mosquito. Mantendo a casa sem água parada, você protege sua família e também os seus vizinhos”, diz a médica infectologista da Unimed Vitória, Theresa Cristina Cardoso da Silva.

Feito isso, hora dos cuidados pessoais. Além da fantasia e do sampa no pé, um item indispensável nesse carnaval é o repelente. O uso desse produto pode ajudar, desde que seja aplicado e reaplicado conforme as orientações do fabricante, principalmente nas cidades que apresentam altas taxas de infestação do mosquito. Usar calça e camisas compridas também pode ajudar, diminuindo a área exposta ao mosquito – algo difícil de ser colocado em prática em meio às altas temperaturas dos blocos de rua.


Confira o que fazer em casa antes de viajar:

·         Cuidado especial no armazenamento e destinação do lixo, mantendo-o em recipiente fechado e disponibilizando-o para recolhimento pela equipe da limpeza urbana;
·         Nunca descarte o lixo ou qualquer outro material que possa acumular água no quintal de casa, no quintal de vizinhos, na rua ou em lotes vagos. Latas, caixas de leite e similares, é recomendável retirar o fundo para descartar;
·         Mantenha a caixa d’água sempre limpa e totalmente tampada;
·         Mantenha as calhas livres de entupimentos para evitar represamento de água nas mesmas;
·         Elimine os de vasos de plantas e bebedouros de animais;
·         Mantenha piscinas devidamente tratadas e tampadas.

Nenhum comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Tecnologia do Blogger.