As áreas de instabilidade que já se formam desde o começo da semana sobre a Região Sudeste, por causa do calor e do elevado nível de umidade no ar, são reforçadas pela passagem de uma frente fria pelo litoral da Região. Nesta quinta-feira, esta frente fria chega ao Espírito Santo e vai ficar quase parada nos próximos três dias ao longo do litoral capixaba.
As áreas de instabilidade ganham força no Espírito Santo, sobre o Rio de Janeiro e sobre Minas Gerais com a mudança na circulação de ventos, em diversos níveis da atmosfera. A concentração de umidade aumenta e mais nuvens carregadas conseguem se formar no litoral e no interior do Sudeste.

Chuva volumosa
Até o domingo, 11 de março, todas as regiões do Espírito Santo, do Rio de Janeiro e também do centro, norte e do leste de Minas Gerais devem ter chuva frequente e várias vezes, em diversos locais, a chuva pode cair moderada a forte ou também se prolongar por várias horas. Além do risco de raios e de rajadas de vento fortes, entre 60 km/h e 80 km/h durante a chuva, há potencial para alagamentos nos centros urbanos, queda de barreira em encostas e enchentes.

Sinais de mudanças
Os sinais de aumento da instabilidade por causa da nova frente fria começaram a ser percebidos nesta quarta-feira, 7 de março. Choveu na madrugada em áreas do litoral de SP e também no sul do RJ. Durante a tarde, a chuva voltou a cair moderada a forte nestas áreas e também no sul do Espírito Santo. Já na região metropolitana de Vitória a chuva chegou pela madrugada desta quinta-feira, acompanhada de muitos raios e trovoadas. Houve registros de alagamentos em vários bairros de Vila Velha e algumas ruas de Cariacica e Vitória.

Fonte: Climatempo

Nenhum comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Tecnologia do Blogger.