Header Ads


LEIA APÓS O ANÚNCIO
O Observatório do Turismo do Estado do Espírito Santo, em parceria com o Parque Nacional do Caparaó, divulgou os números de visitação do lado capixaba do Parque. Os dados são da Portaria de Pedra Menina, entrada oficial no Espírito Santo, que fica no município de Dores do Rio Preto, na Região do Caparaó.  
Os números divulgados são de visitas feitas entre 2014 até 2017. De acordo com o levantamento, o mês de julho registra o maior volume de visitantes pela entrada capixaba, período bastante procurado pelos turistas que buscam aventura e o frio da estação.
Parque Nacional do Caparaó

O Parque Nacional do Caparaó é uma Unidade de Conservação Federal, criada em 24 de maio de 1961, administrada atualmente pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), autarquia federal vinculada ao Ministério do Meio Ambiente, criada em 2007, tendo como finalidade gerenciar as Unidades de Conservação Federais do País.
O Parque situa-se na divisa entre o Espírito Santo e Minas Gerais e tem 72% de sua extensão em território capixaba. O parque abriga o Pico da Bandeira, o terceiro ponto mais alto do país, com 2.890 metros de altitude. O local está aberto ao público para visitação durante todo o ano, de segunda a domingo. O horário de funcionamento do Parque é de 7h a 18h para visitas, com ou sem pernoite.

O relevo favorece a formação de quedas d’água, sendo as mais conhecidas no lado do Espírito Santo as cachoeiras Aurélio, Sete Pilões e da Farofa. A fauna e a flora são riquíssimas e podem ser observadas nos trekkings realizados com a companhia de um guia. Entre as principais trilhas está a da Pedra Menina, uma ótima opção para caminhadas ecológicas.

Não deixe de visitar as áreas da Macieira e Casa Queimada. No local existem áreas de camping. Na Macieira, por exemplo, há churrasqueiras e fica próximo às cachoeiras. A Casa Queimada fica a 4,5 de caminhada e é mais um camping de apoio à subida noturna ao Pico da Bandeira para ver o pôr do sol.

Mais informações sobre o Parque Nacional do Caparaó:

Nenhum comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Tecnologia do Blogger.