Header Ads


LEIA APÓS O ANÚNCIO

Na última segunda (30) o rap e a mídia nacional foram surpreendidos com a notícia de que o artista Gustavo Mendes conhecido artisticamente como MD, foi acusado de ameaça de morte, agressão verbal e pedofilia por sua ex-namorada Brunna Freitas. Segundo a denúncia, o artista fez diversas ameaças de agressão e morte pelo WhatsApp.

De acordo com Brunna, suportou por 4 meses abusos, manipulações e ofensas e no último dia 30 resolveu expor tudo isso para os fãs do então “eloquente” rapper brasileiro. “Uma pessoa que acha que é melhor que qualquer uma que é “menos famosa” que ela não merece o amor nem o carinho de ninguém, e outra: mulher pra ele é descartável, então se você se acha especial ou algo do tipo, para pra pensar” diz Brunna.

Brunna publicou as conversas onde podemos ver MD fazendo ameaças a agressão e morte de forma bem evidente “Se tu brotar aqui é capaz de eu arrebentar você de porrada.. put* hipócrita… vou te quebrar se tu aparecer na minha frente filha.. lixo eu vou te matar.. aparece aqui que eu vou encher sua cara de bicuda”. Brunna diz que o motivo para tamanha fúria do artista foi o mero fato dela ter curtido uma foto nas redes sociais.

Brunna denuncia MD por ameaças de agressão e morte. (Foto: Reprodução/Instagram)

Com comportamento extremamente machista chegou a dizer: “tu não é minha mulher caralh**? Então eu podia pegar pelo cabelo e sair arrastando que ninguém pode falar porra nenhuma em kao de homem e mulher, ninguém se mete, se resolve os dois”
Após Brunna expor as conversas, muitas outras mulheres também expuseram conversas com o MC, não sendo então a primeira vez que ocorrera o assédio psicológico do rapper para com uma porrada de garotas.

Em seus 24 anos o rapper foi acusado de pedofilia onde em um vídeo divulgado por Brunna ela aparece confrontando o artista que dispara: “Que garotinha de 15 anos você está falando?”

Da mesma forma que foi denunciado resolveu se defender, através das redes sociais. O “honrável” rapper deu sua versão: “Minha ex-namorada postou alguns prints com supostos insultos e ameaças feitos por mim. Quero registrar meu profundo respeito às mulheres e pedir desculpas a ela. Ocorre que, por vezes, nosso sentimento nos boicota trazendo outros que ultrapassam o razoável (…) As alegações de agressão e ameaça são a mais pura inverdade. Apesar de reconhecer meus erros, queria repetir que as minhas ameaças jamais se concretizaram ou se concretizarão”, escreveu MD caindo em contradição com os áudios que foram expostos.

Nenhum comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Tecnologia do Blogger.