Leia após a publicidade


No Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, 18 de maio, a Polícia Rodoviária Federal realizou uma operação conjunta com o Tribunal Regional do Trabalho, Detran, Prefeitura de Cariacica, Prefeitura de Viana e Prefeitura de Serra, nos postos de Serra e Viana, e também na região do Ceasa, em Cariacica.

Durante 4 horas de ação, na manhã desta sexta-feira, os veículos foram abordados e   panfletos educativos sobre o tema e adesivos foram entregues, acompanhados de breves explanações de conscientização.

A violência sexual pode ocorrer de duas formas:  abuso, quando há prática do ato sexual, ou exploração sexual, quando há utilização sexual para obter lucro ou troca.

Aquele que identificar determinadas situações pode denunciar ao Conselho Tutelar, Delegacias Especializadas, Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal ou através do Disque Direitos Humanos pelo número 100. 

Em 2018, no Espírito Santo o novo mapeamento apontou 18 possíveis pontos de exploração. O número é menor que o identificado em 2017, que tinha o total de 46 pontos. Dessa forma, tivemos uma redução de 60% de pontos vulneráveis no estado, enquanto nos demais estados do país houve uma média de 21% de aumento de pontos identificados. A redução deve-se a um extenso trabalho dos órgãos envolvidos.

A conscientização, seguida das atitudes positivas, são fatores essenciais para mudar os índices de violência contra crianças e adolescentes em nosso país. 
OPERAÇÃO DOMIDUCA


A Polícia Rodoviária Federal implementa em todo o país o mapeamento dos pontos vulneráveis à exploração sexual de crianças e adolescentes nas rodovias e estradas federais, o “Projeto Mapear”, e durante os meses de maio e junho de 2017, foram mapeados 2.487 pontos vulneráveis à ocorrência de exploração sexual de crianças e adolescentes - Está nas rodovias e estradas federais, dos quais, 1.142 pontos foram considerados críticos e de alto risco, de acordo com a metodologia de avaliação.

O objetivo da operação é, principalmente, aumentar a percepção de segurança em locais predefinidos no sistema MAPEAR, visando uma atuação preventiva à criminalidade, em especial no combate à exploração sexual de crianças e adolescentes.

O objetivo da operação é, principalmente, aumentar a percepção de segurança em locais predefinidos no sistema MAPEAR, visando uma atuação preventiva à criminalidade, em especial no combate à exploração sexual de crianças e adolescentes.

Nenhum comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Tecnologia do Blogger.