Header Ads


LEIA APÓS O ANÚNCIO
A Festa de Corpus Christi de Castelo (ES), uma das maiores e mais tradicionais do país, que acontecerá na próxima quinta-feira (31), foi prejudicada pela greve dos caminhoneiros e teve a maioria de sua programação cancelada. De acordo com a Paróquia Nossa Senhora da Penha, responsável pelo evento, grande parte da infraestrutura necessária não chegou a tempo, afetando a montagem e a organização das festividades.
Segundo Bernadete Fim Rossi, secretária da paróquia Nossa Senhora da Penha, todas as apresentações culturais e a queima de fogos foram canceladas. Além disso, a feira e a praça de alimentação também não vão funcionar. Conforme informou, em virtude da paralisação dos caminhoneiros, o foco da festa, este ano, será somente religioso, com missas e os tradicionais tapetes de Corpus Christi.
A Prefeitura Municipal de Castelo confirmou que a festa foi afetada devido à greve dos caminhoneiros, e, segundo nota divulgada nesta segunda-feira (28), para a manutenção da ordem pública, o evento não contará com o comércio de ambulantes e com as tradicionais barraquinhas. A Prefeitura informou ainda que as pessoas que adquiriram espaços para fins comerciais terão a quantia paga devolvida e pediu a compreensão e a colaboração de todos.
Já segundo a Diocese de Cachoeiro, responsável pela cidade de Cachoeiro, muito boatos surgiram sobre a realização da festa e, em reunião realizada na manhã desta segunda-feira entre o pároco da Igreja Matriz Nossa Senhora da Penha, frei Mário Aparecido, representantes da Prefeitura e a organização, foi decidido que a programação fosse alterada.

Nenhum comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Tecnologia do Blogger.