Leia após a publicidade

Em 21 anos, Brasil terá mais idosos do que jovens, diz IBGE
Médico aponta cuidados para uma velhice saudável




O Brasil está envelhecendo. Dados divulgados nesta quarta-feira (25) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que, em 21 anos, o país terá mais idosos (pessoas acima de 65 anos) do que crianças até 14 anos. Cresce o número de pessoas na terceira idade e também a expectativa de vida. Em cerca de 40 anos, as mulheres devem viver, em média, até 84,2 anos (hoje a média é de 79,8). Entre os homens, a expectativa passará de 72,7 para 77,9 anos.

Os números fazem pensar em como garantir um envelhecimento com mais saúde e disposição. O geriatra da Unimed Vitória Warlen Luis Martins Torres da Unimed Vitória destaca que os cuidados podem ser adotados desde cedo. “Quanto mais cedo adotamos hábitos saudáveis, mais chance temos de envelhecer com saúde”, destaca.

Entre as atitudes que podem contribuir para uma longevidade saudável, estão manter o peso ideal, não fumar, fazer atividades físicas aeróbicas, como caminhada e bicicleta, praticar esportes e cuidar da saúde mental.

“Outras medidas contribuem significativamente, como eliminar fatores de estresse e tensão, controlar as gorduras sanguíneas, equilibrar bem a alimentação, ingerir alimentos ricos em vitaminas, não fazer dietas da moda e beber bastante água”, assinala o especialista.
Há outras recomendações importantes para quem quer chegar à terceira idade em boas condições físicas e psíquicas.

O médico diz que controlar a glicemia (açúcar no sangue), a pressão arterial, manter os exames médicos em dia, não tomar remédio por conta própria, e evitar que os problemas de saúde se agravem tratando-os desde a fase inicial são práticas bastante relevantes na busca pela saúde.

Alimentos

Especificamente sobre alimentação, Warlen Torres destaca que evitar frituras e gorduras em geral, moderar o consumo de carne vermelha no dia a dia e/ou optar por carnes mais magras, trocar as guloseimas por frutas, comer o bom e velho feijão com arroz com frequência, ingerir alimentos ricos em fibras, cálcio e potássio e diminuir o sal nas refeições são aliados do bom envelhecimento.

Além disso, não se pode esquecer que a mente sã contribui para um corpo são. “Ter um hobby saudável, ler bons livros, ver bons filmes, fazer palavras cruzadas, praticar relaxamento, ter amigos, boas conversas, dormir bem, nunca ficar totalmente ocioso, buscar sempre estar em atividade, tudo isso melhora e muito a saúde física e mental”, diz o especialista.

Segundo o médico, é justamente o equilíbrio entre diversos fatores que faz com que o corpo sinta menos o passar dos anos. “Tenha um médico de sua confiança para acompanhá-lo. Esteja sempre atento aos sinais do seu corpo e se cuide”.

Outras dicas para envelhecer bem:

1 – Evite a obesidade
2 – Esteja atento a sua pressão arterial e glicemia
3 – Faça ingestão adequada de vitaminas sob orientação médica e sem exagero
4 – Fuja de dietas da moda
5 – Faça o que gosta. Busque qualidade de vida para seu dia a dia. Se puder, more perto de onde trabalha ou dos locais que vai com mais frequência, para evitar o estresse do trânsito e ter mais tempo para si mesmo.
6 – Cuide mais de si mesmo do que de suas coisas
7 – Troque carne vermelha por frango ou peixe de duas a três vezes por semana
8 – Inclua frutas, legumes e hortaliças em sua alimentação diária
9 – Exercite a mente, com livros, filmes, jogos, palavras cruzadas, boas conversas
10 – Evite banhos muito quentes. Opte por água morna ou fria
11 – Fuja da ociosidade
12 – Não fuja do médico. Esteja atento aos sinais do seu corpo
13 – Inclua a ingestão de elementos antioxidantes no seu cotidiano. Converse sobre isso com seu médico
14 – Evite temperos industrializados. Priorize alimentos frescos e menos embutidos, enlatados e semiprontos.
15 – Conheça e respeite os limites do seu corpo

Nenhum comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Tecnologia do Blogger.