Header Ads


LEIA APÓS O ANÚNCIO
Distribuidora recomenda que crianças e adolescentes busquem locais adequados para brincar com segurança, em espaços abertos e longe de fios e postes

Um levantamento feito pela EDP, distribuidora de energia elétrica do Espírito Santo, mostra que entre os meses de janeiro e junho de 2018 foram registrados 559 incidentes de interrupção de energia por motivos de pipas na rede elétrica, que resultaram no desligamento do fornecimento de energia para mais de 93 mil clientes.

Alguns materiais usados na confecção de pipas, como as rabiolas feitas de fios metálicos, são condutores de energia e aumentam o perigo quando estão em contato com a rede elétrica. Quando encostam nos cabos da rede elétrica, além da queda de energia e danos a equipamentos, podem causar acidentes graves, como queimaduras e até mortes.

O gestor executivo de Atendimento Comercial, Evandro Scopel, ressalta que a brincadeira de pipa deve ser feita sempre de forma segura. “As pessoas devem buscar espaços abertos, como parques e campos onde não exista o risco de contato com os fios de energia, pois o contato das pipas com os cabos elétricos acaba causando prejuízo para toda a população com a interrupção da energia nas residências, ruas e praças, por exemplo”.

O gestor alerta ainda que o arremesso de objetos na rede elétrica para o resgate da pipa pode causar graves acidentes. “Um curto circuito ocasionado por pipas na rede elétrica pode provocar desde danos materiais, até queimaduras, amputação de membros ou levar ao óbito. As pessoas nunca devem intervir na rede elétrica. A EDP deve ser acionada e equipes técnicas são deslocadas para fazer a limpeza da fiação e restabelecer o fornecimento de energia” acrescentou Scopel.

O uso de cerol é proibido. Já soltar balões é crime, previsto no artigo 42 da Lei de Crimes Ambientais. A pena varia de um a dois anos de detenção e/ou multa.

Vale ressaltar que, em caso de incidentes com a rede elétrica, os clientes devem comunicar imediatamente o ocorrido. A Distribuidora acrescenta que o consumidor possui a comodidade e facilidade de solicitar serviços, esclarecer dúvidas e fazer denúncia de possíveis riscos com a rede elétrica, ou comunicar a interrupção do serviço, por meio dos canais:

·EDP Online no site www.edponline.com.br
·         Aplicativo EDP Online (compatível com tablets e smartphones com as plataformas Android™, iOS e Windows Phone).
·         Central de Atendimento: 0800 721 0707

Todos os canais de atendimento são gratuitos e funcionam 24 horas.

Confira as dicas e brinque com segurança

- Alguns materiais utilizados na confecção de pipas são condutores de energia e aumentam o perigo quando estão em contato com a rede elétrica. Rabiola feita de fios metálicos é um exemplo;

- O uso de cerol é proibido. O cerol é um risco para motociclistas e pedestres e também oferece perigo no contato com a rede de energia. Ao cortar a camada protetora da fiação, a linha interrompe a transferência de corrente elétrica, podendo provocar curto-circuito;

- Arremessar objetos na rede elétrica para o resgate da pipa pode causar graves acidentes. O “lança-gato” (pedras presas a uma linha) ou qualquer outro item condutor de energia não devem ser lançados sobre a rede;

- Empinar pipas em locais como lajes e muros deve ser evitado. A proximidade com a rede elétrica aumenta o risco de acidentes;

- É expressamente proibido invadir as subestações da EDP para recuperar pipas e balões. Esses locais são energizados e somente pessoas autorizadas podem entrar nas estações;

- Um acidente causado por descarga elétrica pode deixar sequelas como queimaduras e até causar a morte.

Nenhum comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Tecnologia do Blogger.