Leia após a publicidade

A celebrante Natasha Siviero promove workshop inédito no ES para formar celebrantes nos próximos dias 20 e 21, no Espaço Cult, em Vila Velha



Cada vez as pessoas buscam cerimônias que sejam personalizadas e tenham a cara dos noivos. É aí que entra a figura do celebrante de casamentos, uma pessoa que não é da família e nem do círculo de amigos, mas que é responsável por contar a história de amor do casal e emocionar a todos. É uma tendência que começou nos Estados Unidos e que chegou no Brasil com bastante força nos últimos cinco anos, e que cresce devido à alta dos casamentos ao ar livre. Devido a este aumento pela procura dos casamentos personalizados, a profissão de celebrante fica em evidência. Pensando nisso, e com o intuito de formar novos profissionais da área, a celebrante de casamentos Natasha Siviero promove um workshop inédito no Espírito Santo para formar novos profissionais na área. O “Navegar” acontece nos dias 20 e 21 de outubro, no Espaço Cult, em Vila Velha.

Profissionais de diversos ramos podem exercer a profissão de celebrante de casamentos, como jornalistas, atores, locutores, escritores, advogados, desde que tenham afinidade com a palavra. “É necessário que seja uma pessoa que tenha o dom da fala, da escrita e se dedique à esta profissão com amor e dedicação”, destacou Natasha. Um celebrante de casamento, assim como o padre, o rabino ou outros ministros religioso, executa e realiza a cerimônia de casamento. A diferença é que o celebrante pode criar, inovar e personalizar em cerimônias realizadas em cerimoniais, chácaras, sítio, praia, casas, ou qualquer outro lugar que os noivos escolham. Normalmente, ele se reúne com os noivos algumas vezes para entrevistar o casal, conhecer sua história, criar um laço de confiança e escrever o roteiro.

Diferente das igrejas, onde o casamento é realizado por um líder religioso de acordo com um ritual específico, o celebrante de casamento constrói uma cerimônia baseada nas crenças do casal. Os noivos respondem a um questionário e participam de uma conversa com a celebrante, onde falam sobre Deus, amor e as expectativas com o casamento. Natasha dá a dica do que os noivos devem levar em consideração para escolherem o celebrante que tenha a cara deles. “É importante avaliar as características do profissional, as habilidades para ouvir, escrever e o estilo de voz. Se possível, assista a vídeos de casamentos reais e veja depoimentos de noivos ”, enfatizou.

A escolha do celebrante de casamentos deve ser tão importante quanto escolher o vestido de noiva, o buffet e a decoração da festa. Segundo Natasha, os noivos buscam cada vez mais um menos conservador e mais alinhado com o que o casal acredita. “O papel do celebrante não é apenas contar a história do casal, mas fazer todo o casamento de acordo com a história e personalidade dos noivos, a cerimônia que pode ser mais emocionante, alegre, tradicional ou mais alternativa, dependendo do que seja o sonho do casal”, destacou.

Sobre o “Navegar”, Workshop para celebrantes iniciantes

Voltado para formar celebrantes, o workshop “Navegar” acontece nos dias 20 e 21 de outubro, no Espaço Cult, em Vila Velha. O curso será ministrado em forma de oficina, ou seja, aprendizado voltado à prática, onde, no final, os alunos irão simular um casamento. É uma oficina inédita no Espírito Santo.

Natasha explica a escolha do nome do workshop. “Escolhemos este nome porque é uma nova profissão, uma oportunidade de navegar histórias, transicionar carreira e se dedicar ao amor”, explicou.

A oficina terá três diferentes módulos. Num primeiro momento, Natasha fará uma breve apresentação e falará do histórico da profissão e seu contexto atual, bem como as habilidades de um celebrante de casamento. No segundo módulo, os alunos aprenderão como conduzir a entrevista com os noivos e o passo a passo da construção de um roteiro personalizado. O curso contará ainda com técnicas de narração com a contadora de histórias Gab Kruger e noções de corpo e voz com a atriz Gabriela Saadi.

Sobre a celebrante Natasha Siviero

Natasha Siviero é escritora, jornalista e celebra casamentos há dois anos. Ela fez parte da equipe de celebrantes da maior empresa do segmento de São Paulo. Somente no ano passado, ela realizou mais de 50 cerimônias em terras paulistas, nos principais buffets da capital, interior e praias.

Natasha prepara uma cerimônia leve, emotiva e com momentos de descontração. Com uma voz firme e doce, consegue falar da história dos noivos de maneira poética, o que faz com que eles e os convidados se reconheçam e se sintam envolvidos na cerimônia.

Ela se encontra com os noivos para ouvir a sua história. Depois de se conhecerem, ela escreve o texto que será apresentado na cerimônia de casamento. As cerimônias podem ser tradicionais ou totalmente personalizadas, podem falar de Deus ou simplesmente do amor. O importante é que seja a cara dos noivos.

A celebrante possui dois livros publicados: O “Baliza de Navio”, que ganhou o prêmio da Secretaria de Cultura; e o “Sarah Princesa”.

SERVIÇO:
Workshop “Navegar” – formando celebrantes iniciantes
Datas: 20 a 21 de outubro
Horário: manhã e tarde, com intervalo para almoço
Duração: 16 horas
Local: Espaço Cult – Ed Praia Center 221, Rua Henrique Moscoso, Sala 3 - Praia da Costa,
Turma reduzida (vagas limitadas)
Forma de pagamento: depósito bancário
Perfil do aluno: Mestres de cerimônia, jornalistas, atores, escritores, pessoas que queiram aprender a celebrar casamentos.

Nenhum comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Tecnologia do Blogger.