Leia após a publicidade

Por Cristiane Ribeiro, Radioagência Nacional.

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, do PSL, aproveitou o sábado (3) para cortar o cabelo e visitar a casa onde morou quando iniciou sua carreira política como vereador, no bairro de Bento Ribeiro, na zona norte do Rio de Janeiro.

Bolsonaro saiu de casa, no Condomínio Vivendas, na Barra da Tijuca, por volta das 9h30, sem informar o destino. O carro em que Bolsonaro estava saiu escoltado por veículos da Polícia Federal (PF) e também da Polícia Militar (PM).

O salão onde Bolsonaro foi é o mesmo que ele frequenta há mais de 20 anos. O presidente eleito cortou o cabelo pelo segundo dia consecutivo.

O grande aparato de segurança e a presença de Bolsonaro na Rua Divisória, onde fica o salão, atraíram a atenção de moradores, que se aglomeraram na frente do estabelecimento para saudar o presidente eleito e tirar fotos.

Nessa sexta-feira, a assessoria do presidente eleito, divulgou fotos dele, em casa, cortando o cabelo e tirando medidas do terno que vai usar na cerimônia de posse, no dia 1° de janeiro, em Brasília.

Bolsonaro voltou para sua residência por volta das 12h30 e, segundo sua assessoria, não tem mais agenda neste sábado.

Também neste sábado, pelo Twitter, Bolsonaro disse que já iniciou uma agenda intensa, com propostas para fazer diferente de tudo o que governos anteriores fizeram.

A agenda inclui planos para fomentar a economia e resgatar a confiança do brasileiro e do estrangeiro em nosso país.

Ainda pelo Twitter, Bolsonaro postou, no fim da tarde dessa sexta-feira, que as instituições de ensino foram tomadas, por muito tempo, por ideologias nocivas e inversão de valores, pessoas que odeiam nossas cores e nosso hino.

Segundo ele, hastear a bandeira do Brasil não tem relação com política, mas com o orgulho de ser brasileiro e a esperança de tempos melhores.

Nenhum comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Tecnologia do Blogger.