Para colaborar com o trabalho dos bombeiros militares no resgate das vítimas da tragédia em Brumadinho, a Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH) doou 900 pares de meias e 900 peças íntimas para os profissionais que estão atuando diretamente com a lama proveniente do rompimento da barragem. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, existem cerca de 320 bombeiros que estão desempenhando essa atividade no município.
Crédito fotográfico: Bráulio Filgueiras / Divulgação CDL/BH
Como essas peças não são ressarcidas pelo Estado e o ideal é que sejam descartadas em virtude da lama contaminada e das possíveis lesões na pele, proveniente do contato intenso com os rejeitos, os bombeiros ficam sem ter como alternar meias e peças íntimas. “Sabemos da situação crítica e dos desgastes físicos e emocionais pela qual esses profissionais vêm passando. A intenção da CDL/BH é apoiar o trabalho da corporação e proporcionar segurança e conforto para os bombeiros que estão trabalhando direto com o resgate”, explica o presidente da CDL/BH, Marcelo de Souza e Silva.

A entrega das doações foi feita hoje à tarde na sede do 1º. Batalhão de Bombeiros Militar que fica na Rua Piauí, 1.815, bairro Cruzeiro. Em seguida elas seguirão para o Posto de Comando do Corpo de Bombeiros, Polícias Militar e Civil em Brumadinho. Identificação foto anexa (da esquerda para a direita) Capitão Alcântara, representando o Comandante Geral do Corpo de Bombeiros de MG; Marcelo de Souza e Silva, presidente da CDL/BH; Coronel Matuzail Martins, reserva do Corpo de Bombeiros; Guilherme Belmani, Rotary Clube Padre Eustáquio.

Nenhum comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Tecnologia do Blogger.