Por 28 votos a chapa única encabeçada pelo Deputado foi eleita nesta sexta-feira
Em discurso Erick Musso relembrou ações da mesa anterior e disse que continuará mantendo
as mesmas para melhoria do serviço público. Foto: TV ALES
O comando do Poder Legislativo estadual continuará com o deputado estadual Erick Musso (PRB). Ele foi eleito na tarde desta sexta-feira (1) tendo como primeiro vice-presidente também Marcelo Santos (PDT), e o segundo secretário Torino Marques (PSL). Os novos deputados Luciano Machado (PV) e Emílio Mameri (PSDB) serão, respectivamente, primeiro e segundo secretários.
Também serão secretários Raquel Lessa (Pros), terceira secretaria e a quarta é de Alexandre Xambinho (Rede). A composição foi feita agradando o Palácio Anchieta.
Mesa Diretora

É o órgão responsável por organizar e dirigir os trabalhos legislativos e os serviços administrativos da Casa. Compõem a mesa o presidente e o 1º e 2º secretários, eleitos a cada dois anos pelos deputados estaduais. Seus membros são eleitos em sessão preparatória, no início do primeiro e terceiro anos da legislatura, sendo permitido ao presidente se reeleger. Para substituir o presidente são eleitos o 1º e 2º vice-presidente. Já para suprir a falta do 1º e 2º secretários são escolhidos o 3º e 4º secretários.

Atribuições

Propor ação de incons­titu­cionali­dade de leis e fixar as diretrizes para a divulgação das atividades do Legislativo, com a garantia de livre acesso dos veículos de comunicação;

Emitir parecer em proposições que alterem o Regimento Interno da Ales e promulgar as emendas à Constituição Estadual;

Atuar na defesa do exercício do mandato dos deputados e nas penalidades aplicadas a eles – como censura escrita ou suspensão temporária – e declarar a perda de mandato dos parlamentares nos casos especificados na Constituição;

Determinar a abertura de sindicância ou inquérito administrativo;

Fazer a convocação de autoridades como secretários de Estado e o presidente do Tribunal de Contas para prestarem informações, autorizar a formação de frentes parlamentares e aprovar e encaminhar para o Poder Executivo sua proposta orçamentária, dentre outras.

Nenhum comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Tecnologia do Blogger.